Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsa perde 2,5 mil milhões de euros na pior sessão desde Abril de 2010

Foi a pior sessão na bolsa nacional desde Abril de 2010, num dia marcado por fortes quedas. Foram 11 as cotadas no PSI-20 a tocarem em mínimos de mais de um ano, com a crise de dívida soberana a assombrar a Europa.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 11 de Julho de 2011 às 16:43
  • Assine já 1€/1 mês
  • 14
  • ...
O PSI-20 caiu 4,28% para 6.844,98 pontos, com 19 acções em queda e apenas uma em alta. A Zon foi a única cotada que escapou às descidas. Houve 11 empresas a deslizar mais de 4%.

Só hoje a bolsa nacional perder 2,5 mil milhões de euros, naquele que foi o dia mais negro em mais de um ano.

Entre os congéneres europeus as quedas também foram acentuadas, com a especulação em torno da crise de dívida soberana e do contágio a outros países a aumentar.

Os investidores movimentaram 85 milhões de acções, o que correspondeu a 117 milhões de euros.

Foi a maior queda da bolsa nacional desde Abril de 2010, cerca de um mês antes da Grécia pedir ajuda financeira. E hoje, a Grécia voltou a ajudar à acentuar as quedas nas bolsas europeias, depois de revelar que o seu défice orçamental aumentou 28% no primeiro semestre do ano.

Banca perde quase mil milhões de euros

As quedas na banca foram muito acentuadas, com os bancos a perderem 938 milhões de euros num só dia.

O BCP destacou-se ao perder 7,12% para 0,326 euros. As acções do banco liderado por Santos Ferreira chegaram a afundar mais de 9% para 0,318 euros, o que corresponde a um novo mínimo histórico.

Mas o BCP não está sozinho. O BES recuou 6,19% para 2,289 euros, tendo tocado nos 2,232 euros, o que corresponde a um mínimo de Outubro de 1997. O BPI desceu 4,51% para 0,89 euros e renova um mínimo de Novembro de 1995 (0,875 euros). E o Banif recuou 4,83% para 0,591 euros, atingindo o valor mais baixo desde Maio de 2003 (0,559 euros).

A banca é das mais afectadas pela crise de dívida soberana, que tem levado os juros de Portugal atingirem máximos históricos e levado a quedas acentuadas no principal índice nacional.

Em mínimos de 2009 tocou também a Portugal Telecom (6,291 euros) e a Sonae SGPS (0,671 euros). A EDP já tocou no valor mais baixo desde Dezembro de 2008 (2,303 euros) , a Mota-Engil negociou no valor mais baixo desde Novembro de 2003 (1,36 euros) e a Brisa tocou em mínimos de Janeiro de 2000 (3,623 euros).

Ver comentários
Saber mais Bolsa PSI-20 Banca
Outras Notícias