Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsa portuguesa abre em queda pelo quarto dia consecutivo

A bolsa portuguesa abriu a cair pelo quarto dia consecutivo com 16 dos 20 títulos a desvalorizar. O PSI-20 iniciou a sessão de hoje a recuar 0,51% com apenas três empresas a subir, Sonae SGPS, Sonaecom e PT Multimédia.

Ana Luísa Marques anamarques@negocios.pt 28 de Fevereiro de 2007 às 08:24
  • Partilhar artigo
  • ...

A bolsa portuguesa abriu a cair pelo quarto dia consecutivo com 16 dos 20 títulos a desvalorizar. O PSI-20 iniciou a sessão de hoje a recuar 0,51% com apenas três empresas a subir, Sonae SGPS, Sonaecom e PT Multimédia.

O principal índice da bolsa nacional [psi20] negoceia nos 11.755,43 pontos com 16 títulos a descer, três a subir e um inalterado.

Nas restantes praças europeias, o dia também começou no vermelho depois de ontem as bolsas chinesas terem caído mais de 9% e terem provocado uma queda generalizada nos mercados internacionais.

Em Portugal, as perdas estão a ser lideradas pela Energias de Portugal [edp] que iniciou a recuar 2,15% para os 4,10 euros e pelo BCP [bcp] que cai 1,43% para os 2,76 euros.

Na restante banca, o BES [besnn] segue inalterado nos 14,20 euros e o BPI [BPIN] recua 0,16% para os 6,40 euros.

Os únicos destaques positivos vão para o grupo Sonae e para a PTMultimédia. As acções da Sonae [son] subiam 8,02% para os 1,75 euros e as da Sonecom [snc] avançavam 8,64% para os 6,54 euros. Esta subida ocorre depois da empresa de Paulo Azevedo ter ontem anunciado um pacote de dividendo em "cash" avaliado em 5,7 mil milhões de euros de 2007 a 2010 aos accionistas da PT que queiram permanecer na empresa depois da OPA.

Os títulos da PTMultimédia [ptm] sobem 1,36% para os 11,15 euros e os da Portugal Telecom [ptc] recuam 0,10% para os 10,12 euros.

No sector da construção, a Mota-Engil [egl] cai 2,56% para os 5,70 euros e a Semapa recua 3,96% para os 10,90 euros.

A Brisa [brisa] desvaloriza 2,20% para os 9,77 euros. As acções da Cimpor [cimp] abriram a sessão de hoje a cair 1,91% para os 6,16 euros.

Ver comentários
Outras Notícias