Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsas norte-americanas iniciam sessão em queda (act.)

As acções norte-americanas negociavam em queda, com o Nasdaq a perder 0,3% e o Dow Jones a decrescer 0,31%, depois do Departamento do Trabalho ter revelado que o número de pedidos de subsídio de desemprego aumentou na semana passada.

Pedro Carvalho pc@mediafin.pt 02 de Outubro de 2003 às 14:58

As acções norte-americanas negociavam em queda, com o Nasdaq a perder 0,3% e o Dow Jones a decrescer 0,31%, depois do Departamento do Trabalho ter revelado que o número de pedidos de subsídio de desemprego aumentou na semana passada.

O Dow Jones [INDU] cotava nos 9.439,58 pontos, o Nasdaq [CCMP] marcava 1.826,70 pontos. O Standard & Poor’s 500 (S&P 500) que em 2003 amealha um ganho de 16%, resvalava 0,36% para 1.014,56 pontos.

De acordo com os dados hoje divulgados pelo Departamento de Trabalho dos Estados Unidos (EUA), na semana passada registaram-se 399 mil novos pedidos de subsídio ao desemprego, o que compara com os dados, já revistos, de 386 mil pedidos na semana imediatamente anterior.

No mercado de capitais, os valores da Altria perdiam 0,3% para 44,20 dólares (37,70 euros), depois da participada Philip Morris, que controla a Tabaqueira, ter anunciado que as negociações com o Senado que pretendiam que a Food and Drug Administration (FDA) passasse a regular o sector do tabaco, foram interrompidas devido à oposição da concorrência e dos anti-tabagistas.

Os títulos da PeopleSoft resvalavam 0,37% para 18,84 dólares (16,07 euros). O «USA Today» noticiou que o Departamento de Justiça poderá vir a chumbar a proposta da Oracle que pretende compra a rival por 7,3 mil milhões de dólares (6,22 mil milhões de euros). As acções da Oracle apreciavam 1,45% para 11,15 dólares (9,51 euros).

As acções da Cisco Systems decresciam 0,69% para 20,07 dólares (17,12,65 euros), os valores da Intel, o maior fabricante mundial de semicondutores, regrediam 0,1% para 28,60 dólares (24,39 euros), e a Microsoft descia 0,66% para 28,32 dólares (24,15 euros).

Ver comentários
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio