Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Cinco bancos multados em 3,3 mil milhões de dólares por manipulação no mercado cambial

Três reguladores - nos Estados Unidos, no Reino Unido e na Suíça - condenaram cinco bancos ao pagamento de uma coima de 3,3 mil milhões de dólares por manipulação no mercado cambial. UBS, Citigroup, JP Morgan, Royal Bank of Scotland e HSBC são os visados.

A carregar o vídeo ...
Day of Reckoning: Banks to Pay $3.3B Over Rate-Rigging
Negócios 12 de Novembro de 2014 às 07:22
  • Assine já 1€/1 mês
  • 8
  • ...

Cinco bancos foram condenados ao pagamento de uma coima de 3,3 mil milhões de dólares (cerca de 2,7 mil milhões de euros) por manipulação do mercado cambial. 

 

O suíço UBS terá de pagar 800 milhões de dólares, de acordo com a Comissão do Mercado de Futuros norte-americana (CFTC), a Autoridade britânica da conduta Financeira (FCA) e a Autoridade supervisora do mercado financeiro suíça (FINMA). 

 

Citigroup pagará 668 milhões de dólares, seguindo-se a JP Morgan Chase que fica condenada a pagar 662 milhões de dólares. Royal Bank of Scotland tem uma coima de 634 milhões de dólares e o HSBC de 618 milhões.

 

Do lado da CFTC as coimas atingiram 1,4 mil milhões de dólares, de acordo com o comunicado emitido. Além do pagamento das coimas, a CFTC impõe que as práticas irregulares cessem imediatamente e que os bancos tomem determinadas medidas para implementarem e reforçarem os controlos e procedimentos internos, incluindo a supervisão dos corretores no mercado cambial, para que não haja mais práticas irregulares. O período investigado no caso do regulador norte-americano foi de 2009 a 2012.

 

A investigação ao mercado não regulamentado avaliado em cinco biliões de dólares diários colocou este sector numa teia apertada durante um ano com dezenas de corretores sob investigação e alguns suspensos.

 

O acordo entre os cinco bancos e os três reguladores é o primeiro, segundo a Bloomberg, desde que as autoridades a nível mundial começaram a investigação aos bancos, suspeitando que alguns dos seus responsáveis concertaram com terceiros de outras firmas os preços a pagar no mercado cambial.

 

"Trocaram informação sobre as actividades dos clientes", esclarece o regulador britânico, cujas coimas atingiram os 1,7 mil milhões de dólares. A FCA esclarece que as coimas respeitam um período compreendido entre 2008 e 2013. Este mesmo regulador esclarece que continua as investigações nomeadamente ao Barclays que não recebeu qualquer coima nesta fase.

 

Já a FINMA penalizou a UBS em mais de 130 milhões de dólares. Este regulador investigou três bancos suíços.

 

Estas penalizações acontecem cerca de dois anos depois das penalizações no Reino Unido e nos Estados Unidos a bancos por terem manipulado as taxas Libor que já conduziu a multas no global de 6,5 mil milhões de dólares e que foram o rastilho que conduziu a outras investigações de manipulação no mercado cambial e derivados. A investigação à Libor ainda não está concluída. 

Ver comentários
Saber mais UBS Citigroup JP Morgan Royal Bank of Scotland e HSBC mercado cambial multas
Outras Notícias