Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

CMVM dá luz verde ao BCP para comprar e pedir emprestado acções do BPI

A CMVM, depois das acções do BPI terem destacado os dividendos, renovou a autorização do banco para comprar e contrair empréstimos das acções do banco liderado por Fernando Ulrich. O oferente, que pretende comprar lotes superiores a 500 mil acções, não po

Pedro Carvalho pc@mediafin.pt 25 de Maio de 2006 às 16:37
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A CMVM, depois das acções do BPI terem destacado os dividendos, renovou a autorização do banco para comprar e contrair empréstimos das acções do banco liderado por Fernando Ulrich. O oferente, que pretende comprar lotes superiores a 500 mil acções, não pode passar do limiar dos 10%.

O Conselho Directivo da CMVM, depois de ter ouvido o Banco de Portugal, deliberou autorizar o Banco Comercial Português (BCP) [BCP], o BCP Investment B.V. e o Banco Millennium bcp Investimento a adquirirem, fora de bolsa e por empréstimo, acções do Banco BPI.

O preço de referência das acções do BPI que sejam objecto do mútuo não pode ser superior a 5,70 por acção, valor que iguala a contrapartida da OPA do BCP.

O regulador autorizou o BCP e as entidades em relação de domínio adquirir fora de bolsa lotes superiores a 500.000 acções, representativas do capital social do Banco BPI.

O BCP, após as compras, não pode passar o limiar dos 10%, onde já se inclui as participações já detidas pelo banco.

As acções do BCP fecharam inalteradas nos 2,29 euros e o BPI nos 5,70 euros.

Outras Notícias