Bolsa Cotadas nacionais duraram pouco tempo em bolsas estrangeiras
Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium Se já é assinante, faça LOGIN

Cotadas nacionais duraram pouco tempo em bolsas estrangeiras

Nos últimos anos houve empresas portuguesas que optaram por entrar em bolsas estrangeiras. Mas, na maior parte das vezes, as cotadas acabaram por ser retiradas do mercado.
Cotadas nacionais duraram pouco tempo em bolsas estrangeiras
Rui Barroso 13 de outubro de 2017 às 07:15

Nos últimos anos houve empresas portuguesas a tentar a sorte em bolsas estrangeiras. Algumas acabaram por sair do mercado e são poucas as que se mantêm cotadas. Uma dessas excepções é a Azorean. Entrou no Marché

)

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 22:00
Saiba mais
pub