Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Crude dos EUA perto dos 98 dólares

As cotações do crude atingiram o máximo de um mês em Nova Iorque, ainda estimuladas pelo anúncio de ontem do Departamento norte-americano da Energia, segundo o qual os inventários de crude desceram mais do que o esperado na semana passada.

Carla Pedro cpedro@negocios.pt 28 de Dezembro de 2007 às 17:39
  • Partilhar artigo
  • ...

As cotações do crude atingiram o máximo de um mês em Nova Iorque, ainda estimuladas pelo anúncio de ontem do Departamento norte-americano da Energia, segundo o qual os inventários de crude desceram mais do que o esperado na semana passada.

O West Texas Intermediate [cl1] para entrega em Fevereiro está a ganhar 1,62% no mercado nova-iorquino, fixando-se em 97,63 dólares por barril. Os futuros deste crude de referência norte-americano já estiveram hoje nos 97,85 dólares, o que corresponde ao mais baixo valor desde 26 de Novembro. O WTI aproxima-se assim do ganho anual mais acentuado dos últimos oito anos.

Em Londres, o Brent do Mar do Norte [co1] está a subir 0,56%, para 95,31 dólares, no mercado londrino.

As reservas de petróleo caíram 3,3 milhões de barris na semana passada nos EUA, para 293,6 milhões, o que corresponde ao nível mais baixo desde Janeiro de 2005.

Por outro lado, o dólar registou a quebra mais acentuada face ao euro desde Outubro, num ambiente de especulação sobre a possibilidade de a Reserva Federal cortar os juros de referência no próximo mês devido a um menor crescimento da economia.

"A principal força de subida no mercado, actualmente, tem a ver com as fracas reservas do crude, o que faz com que a fraqueza do dólar ou qualquer tipo de desenvolvimento político, como a situação no Paquistão, tenham um impacto acentuado", comentou à Bloomberg o presidente da Ritterbusch & Associates, James Ritterbusch.

O assassinato, ontem, da líder paquistanesa da oposição e antiga primeira-ministra, Benazir Bhutto, aumentou os receios de que a violência persista naquela nação com armas nucleares.

Ver comentários
Outras Notícias