Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

CTT já negociaram abaixo do preço da OPV

Durante a sessão, os papéis da empresa postal chegaram a cair quase 1% para os 5,511 euros, abaixo dos 5,52 estabelecidos na oferta pública de venda da empresa há quase três anos.

A empresa de correios é outra das cotadas com uma taxa de rentabilidade do dividendo elevado. Os CTT propõem um dividendo de 47 cêntimos por acção, o que tem implícito um retorno de 5,91% face ao valor das acções.
Miguel Baltazar
Paulo Zacarias Gomes paulozgomes@negocios.pt 10 de Outubro de 2016 às 11:22
  • Assine já 1€/1 mês
  • 5
  • ...

Os títulos dos CTT já transaccionaram esta segunda-feira, 10 de Outubro, a um valor abaixo daquele que foi fixado para a sua entrada em bolsa, em Dezembro de 2013.

Durante a sessão, os papéis da empresa postal chegaram a cair 0,92% para os 5,511 euros, abaixo dos 5,52 estabelecidos na oferta pública de venda (OPV) da empresa há quase três anos.

Não foi ainda, no entanto, atingido o mínimo histórico registado a 6 de Dezembro de 2013 (dois dias depois da entrada em bolsa), de 5,51 euros.

Os títulos recuperaram depois, somando 1,04% para 5,62 euros, interrompendo quatro sessões de quedas.

Desde a apresentação dos resultados do primeiro semestre - marcados pela queda dos lucros em 19%, penalizados pelo investimento no Banco CTT - já perderam quase um quarto do seu valor em bolsa. Em relação à cotação actual, o recuo é de 23,19%.

A cotação máxima da acção foi atingida a 4 de Novembro de 2015, com cada título a valer 10,49 euros, quase o dobro do valor actual. Desde o início do ano, o título já desvalorizou 36,64% em bolsa.

Entre as constituintes do PSI 20, os CTT registaram na semana passada - que foi também de balanço negativo para o índice - a maior queda, de 7,53%. 


(Notícia actualizada às 11:53)

Ver comentários
Saber mais CTT Oferta Pública de Venda economia negócios e finanças mercado e câmbios
Outras Notícias