Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Depois do Dow Jones, também o S&P 500 já está positivo no acumulado do ano

As bolsas dos EUA fecharam em alta, ainda a serem animadas pela postura mais cautelosa da Fed, que sinalizou menos cortes de juros este ano do que aquilo que se esperava inicialmente.

Negócios 18 de Março de 2016 às 20:40
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...

O índice industrial Dow Jones fechou a sessão desta sexta-feira a somar 0,69%, para 17.602,30 pontos. Depois de ontem ter entrado em terreno positivo no acumulado do ano, a ganhar 0,32% desde o início de 2016, hoje essa valorização elevou-se para 1,01%.

 

O Standard & Poor’s 500, por seu lado, avançou 0,4% para 2.049,38 pontos, tendo também entrado no verde no cômputo do ano, com uma subida agregada de 0,3%.

 

Já o tecnológico Nasdaq Composite ganhou 0,43% para 4.795,64 pontos, estando ainda a perder 4,2% no acumulado de 2016.

 

Wall Street regista assim a sua quinta semana consecutiva em alta, com o S&P 500 a recuperar 12% desde os mínimos de 11 de Fevereiro e o Dow Jones a ganhar 12% nas últimas 24 sessões – isto depois de ter registado o pior arranque de ano de sempre.

 

Os índices do outro lado do Atlântico têm estado a ser impulsionados pelo anúncio feito na quarta-feira pela Fed, que decidiu manter inalterada a sua taxa de juro de referência – que em Dezembro foi aumentada pela primeira vez, depois de quase uma década de política de juros zero.

 

Além disso, a Reserva Federal sinalizou um abrandamento no ritmo de subida dos juros em 2016 (duas vezes e não quatro, como se esperava anteriormente) devido ao potencial impacto da desaceleração do crescimento mundial e da turbulência nos mercados financeiros.

 

Com efeito, a Fed estimou que a taxa directora terminará o ano nos 0,875%. Se assim for, isso significa que só haverá mais duas subidas este ano, quando os números da estimativa anterior implicavam quatro aumentos em 2016.

Ver comentários
Saber mais Wall Street bolsa
Outras Notícias