Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Derrota de Merkel e corte do "rating" a Portugal travam bolsas europeias

As bolsas europeias fecharam sem tendência definida, com a derrota de Merkel nas eleições e os cortes de "rating" em Portugal a travarem a subida dos índices.

Andreia Major amajor@negocios.pt 28 de Março de 2011 às 17:40
  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...
As praças europeias tiveram um comportamento misto, com alguns índices a conseguirem registar ganhos moderados e outros a fecharem em queda.

O PSI-20 e o alemão DAX caíram, influenciados pelos cortes de “rating” e pela derrota de Ângela Merkel nas eleições regionais que se realizaram ontem, respectivamente.

O índice de referência europeu, STOXX-600, subiu 0,08% para 276,24 pontos.

O PSI-20 fechou no vermelho, a cair 0,31% para 7.829,60 pontos, num dia em que o “rating” de cinco bancos e da EDP e REN foram cortados pela Standard & Poor’s, a reflectir o que a agência de notação financeira fez ao "rating" da República.

O espanhol IBEX-35 apreciou 0,38% para 10.751,00 pontos e o francês CAC-40 cresceu 0,12% para 3.976,95 pontos. Também o índice londrino Footsie subiu 0,06% para 5.904,49 pontos.

Já o alemão DAX caiu 0,11% para 6.938,63 pontos, pressionado pelo resultado das eleições regionais alemãs em que o partido de chanceler Ângela Merkel não conseguiu maioria absoluta.
A derrota da coligação de Ângela Merkel nas eleições regionais realizadas ontem na Alemanha e a instabilidade política que a carência de maioria acarreta estão a penalizar o índice alemão DAX. Os resultados das eleições regionais na Alemanha que não deram a maioria ao partido da chanceler alemã, a União Democrata Cristã (CDU).

O CDU alcançou 38% dos votos, porém o parceiro Partido Liberal (FDP) apenas conseguiu 5%, conferindo assim maioria à coligação de centro esquerda. O resultado das eleições terá impacto na governação nacional uma vez que reduz ainda mais o peso da coligação CDU-FDP na Câmara Alta do Parlamento (Bundesrat). Advém a consequência da chanceler não ter maioria, o que dificulta a aprovação de legislação.

O índice grego ASE/FTSE também acompanhou a descida, ao cair 0,85% para 748,56 pontos e o AEX holandês desceu 0,02% para 364,57 pontos.



Ver comentários
Saber mais Bolsa europeia rating Angela Merkel
Mais lidas
Outras Notícias