Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Direitos do Banif arrancam hoje na bolsa

A primeira de duas tranches do aumento de capital que o Banif vai realizar, no âmbito da operação de aquisição do Banco Mais à Tecnicrédito, arranca hoje com a admissão à negociação dos direitos. O preço teórico destes títulos é de 0,09 euros, considerando a última cotação das acções antes do ajuste, na sexta-feira, de 1,54 euros.

Paulo Moutinho 24 de Setembro de 2009 às 00:01
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
A primeira de duas tranches do aumento de capital que o Banif vai realizar, no âmbito da operação de aquisição do Banco Mais à Tecnicrédito, arranca hoje com a admissão à negociação dos direitos. O preço teórico destes títulos é de 0,09 euros, considerando a última cotação das acções antes do ajuste, na sexta-feira, de 1,54 euros.

As condições da operação foram divulgadas logo no dia em que o Banif anunciou ter chegado a acordo para comprar o Banco Mais. Cada novo título terá o custo de um euro, exactamente o valor nominal. Se à data o desconto era de pouco mais de 15%, com a valorização recente das acções, aumentou para 35%.

Considerando os 350 milhões de títulos admitidos à negociação, estarão, a partir de hoje, em bolsa outros tantos direitos, ainda que poucos venham a ser transaccionados, dada a posição de Horácio Roque, o presidente do Banif, no capital da instituição financeira, que é superior a 50%.

Estes direitos terão um valor teórico de 0,09 euros, de acordo com os cálculos efectuados pelo Negócios. Assim, com cinco direitos, que representam um custo total de 0,45 euros, os investidores terão a oportunidade de adquirir uma nova acção pagando, adicionalmente, o preço de subscrição fixado em um euro.

À semelhança do que se observou em operações semelhantes no passado, como no aumento de capital do BES, os desequilíbrios são habituais. Aliás, dada a forte subida de ontem do Banif, de 4,11%, para 1,52 euros, há já um desequilíbrio. Com base na actual cotação, o valor de equilíbrio dos direitos é agora de 0,104 euros. Ou seja, 15,6% acima do seu preço teórico.

Quem já é accionista do banco e não pretende participar nesta primeira tranche do aumento de capital do Banif - a segunda será realizada posteriormente, concluindo-se, assim, a integração do Banco Mais - deve dar ordem de venda desses direitos. Os accionistas têm até 2 de Outubro - o último dia em que são transaccionados em mercado regulamentado - para o fazer, sob pena de perderem o dinheiro correspondente.

Ver comentários
Outras Notícias