Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Discórdia entre membros da Reserva Federal leva ouro a para novo máximo histórico

O metal precioso renovou um novo máximo histórico nos 1.819,90 dólares por onça, depois de dois responsáveis pela política monetária da maior economia do mundo terem dito que discordam da manutenção dos juros em mínimos.

Discórdia entre membros da Reserva Federal leva ouro a para novo máximo histórico
Hugo Paula hugopaula@negocios.pt 18 de Agosto de 2011 às 13:25
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...
O ouro sobe 1,5% para 1819,90 dólares por onça e fixa um novo máximo histórico, num dia em que os investidores reduzem a sua exposição a activos de risco como as acções e o petróleo.

As acções europeias estão cair mais de 3% e depois de as praças asiáticas também terem desvalorizado. O petróleo está a depreciar 1,3% na Europa e 2,2% nos Estados Unidos da América, devido aos receios de que o abrandamento da economia penalize a procura da matéria-prima.

O regulador sueco disse que os bancos europeus não estão preparados para lidar com problemas no mercado interbancário, levando o sector da banca europeia a registar perdas de 4,7% entre os bancos que integram o índice de referência para a Europa, Stoxx 600.

A crise da dívida sobrana europeia pressiona o sector da banca e é um dos factores que leva os investidores a aumentarem a exposição a activos de refúgio como o ouro.

Ver comentários
Saber mais ouro matérias-prima reserva valor metal
Mais lidas
Outras Notícias