Bolsa EDP Renováveis e BCP dão subida ao PSI-20 em contraciclo com a Europa

EDP Renováveis e BCP dão subida ao PSI-20 em contraciclo com a Europa

As subidas da EDP Renováveis e do BCP permitiram a subida da bolsa nacional que assim contrariou o sentimento negativo das bolsas europeias.
A carregar o vídeo ...
Tiago Varzim 13 de fevereiro de 2020 às 16:38
O PSI-20 fechou esta quinta-feira, 13 de fevereiro, com uma valorização de 0,32% para os 5.331,96 pontos, contrariando a tendência negativa das bolsas europeias. O Stoxx 600, o índice que agrega as 600 principais cotadas europeias, está a cair 0,2% para os 430,31 pontos. 

"O PSI20 fechou com valorizações modestas, que permitiram à bolsa nacional bater os seus pares europeus", escrevem os analistas do BPI no comentário de fecho, realçando a importância das subidas da EDP Renováveis e do BCP.

A nível mundial, as bolsas estão em queda por causa da alteração do método de contagem dos infetados com o Covid-19 (o novo coronavírus) que aumentou significativamente o número de pessoas afetadas. Também já foram confirmadas mais vítimas mortais (são agora mais de 1.300). "Os mercados europeus fecharam em baixa, com o reavivar dos receios em relação ao coronavírus", notam os analistas do BPI. 

Em Lisboa, sete cotadas fecharam em alta, sete fecharam em baixa e quatro inalteradas. As subidas acima de 1% da EDP Renováveis - que durante a sessão atingiu máximos históricos - e do BCP permitiram a subida do PSI-20. A EDP Renováveis fechou com uma subida de 1,98% para os 12,36 euros, após cinco casas de investimento terem divulgado notas de análise sobre a cotada nos últimos dias.

Já o BCP valorizou 1,84% para os 19,35 cêntimos no dia da divulgação de bons resultados do Credit Suisse. Ainda assim, o índice europeu da banca pouco mexeu.

A Navigator também recuperou ligeiramente - subiu 0,06% para os 3,236 euros -, após as fortes quedas que se seguiram à divulgação da redução dos lucros em 2019. Ontem numa conference call com analistas a empresa anunciou que vai reduzir os dividendos a distribuir aos acionistas por causa dos resultados. 

Ainda nas subidas, a Jerónimo Martins (dona do Pingo Doce) valorizou 1,03% para os 16,66 euros.

Por outro lado, cotadas como a Corticeira Amorim e a Nos cederam mais de 1%. A Corticeira Amorim desvalorizou 1,1% para os 10,78 euros ao passo que a Nos cedeu 1,03% para os 4,438 euros. 

A Semapa, que apresenta resultados após o fecho, caiu 0,48% para os 12,52 euros. Ainda no setor do papel, a Altri perdeu 1,43% para os 5,51 euros.

(Notícia atualizada às 16h53 com mais informação)



Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI