Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

EDP acorda venda de 15% da REN à Gestmin, Logoenergia e Oliren

A Energias de Portugal (EDP) anunciou que celebrou um contrato que vai culminar na venda de 15% da REN a três empresas - Gestmin, Logoenergia e Oliren – que ficarão com 5% cada. O preço de venda será fixado em função do valor do IPO e da evolução das acçõ

Pedro Carvalho pc@mediafin.pt 22 de Dezembro de 2006 às 19:38
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A Energias de Portugal (EDP) anunciou que celebrou um contrato que vai culminar na venda de 15% da REN a três empresas - Gestmin, Logoenergia e Oliren – que ficarão com 5% cada. O preço de venda será fixado em função do valor do IPO e da evolução das acções da REN nos primeiros meses após o IPO.

Num comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a EDP [EDP] diz que celebrou hoje "contratos de compra e venda através dos quais alienou uma participação global de 15% do capital social" da Rede Eléctrica Nacional (REN).

A eléctrica liderada por António Mexia diz que a venda se processou em três blocos, correspondendo cada um a 5% do capital social da REN.

As compradoras foram a Gestmin, a Logoenergia e a Oliren. A Gestmin foi a compradora da posição que a eléctrica alienou da ONI.

A determinação do preço de venda destas participações será realizada com base no preço das acções da REN que seja fixado na oferta pública inicial (IPO) prevista no âmbito do processo de reprivatização da REN anunciado para o ano de 2007.

A evolução do preço destas acções em mercado durante os primeiros meses de negociação em bolsa também servirão para a fixação do preço de venda.

"A transacção envolve um pagamento imediato, como princípio de pagamento de preço, por cada bloco de acções que está sujeito aos ajustamentos decorrentes do aludido modo de determinação do preço", conclui a EDP.

As acções da empresa fecharam hoje inalteradas nos 3,72 euros.

Ver comentários
Outras Notícias