Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

EDP e Mota-Engil colocam bolsa a liderar ganhos na Europa

O PSI-20 valoriza pela terceira sessão, com o índice português a liderar os ganhos numa Europa que continua sem tendência definida. A Mota-Engil está a reagir em alta aos resultados.

Bloomberg
Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 18 de Março de 2016 às 09:38
  • Partilhar artigo
  • 2
  • ...

A bolsa nacional valoriza pela terceira sessão consecutiva, apoiada nos ganhos das empresas do grupo EDP, na Jerónimo Martins e na Mota-Engil.

 

O PSI-20 avança 0,73% para 5.198 pontos, com 13 cotadas a subir, duas a descer e duas inalteradas. Hoje é o último dia em que o índice é composto por 17 empresas, sendo que no fecho da sessão saem a Impresa e a Teixeira Duarte e entram a Corticeira Amorim, a Sonae Capital e as Unidades de Participação do Montepio.

 

Na Europa os índices não definiram ainda uma tendência. O Stoxx 600 ganha 0,19% para 341,32 pontos, sendo que o Dax e o IBEX estão em queda e o CAC e o FTSE em alta.

 

Na praça portuguesa é a Mota-Engil que se destaca, com uma valorização de 5,34% para 1,875 euros. A construtora anunciou ontem que registou um crescimento de 2% no volume de negócios de 2015.  

 

A puxar pelo PSI-20 estão também as cotadas do grupo EDP. A Renováveis soma 1,22% para 6,564 euros e a EDP avança 0,39% para 3,107 euros. A eléctrica liderada por António Mexia emitiu 600 milhões de euros em dívida a sete anos, tendo pago um juro de 2,4%.

 

A Jerónimo Martins também apoia a alta do PSI-20, com uma valorização de 1,9% para 14,245 euros, ainda a beneficiar da apresentação que fez esta semana na Colômbia, onde renovou as perspectivas de evolução do negócio neste país, que foram bem recebidas pelos analistas.

 

Ainda em terreno positivo destaque para os CTT, que ganham 1,26% para 8,611 euros no dia em que a cotada lança o Banco CTT.

 

A REN segue estável nos 2,796 euros depois de ter anunciado um aumento de 3% nos lucros de 2015. A Galp Energia está também a negociar sem variação, numa sessão em que o petróleo está em queda ligeira (o brent cede 0,51% para 41,33 dólares).  

 

Na banca o dia é de fracas oscilações. O BCP valoriza 0,47% para 0,0425 euros e o BPI avança 0,23% para 1,298 euros. O Santander cortou a recomendação para as acções do banco liderado por Fernando Ulrich de "comprar" para "manter".

Ver comentários
Saber mais PSI-20 Bolsa de Lisboa Galp Energia EDP BCP
Outras Notícias