Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

EDP e Sonae impulsionam PSI-20; ParaRede e Corticeira disparam (act)

A Euronext Lisbon terminou a semana em novo máximo anual, na sexta sessão consecutiva de ganhos, beneficiando da valorização da Electricidade de Portugal e da Sonae SGPS. O PSI-20 cresceu 0,42%, com as acções da ParaRede, Jerónimo Martins e Corticeira Amo

Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 14 de Novembro de 2003 às 17:19
  • Partilhar artigo
  • ...

As maiores desvalorizações da bolsa nacional, no entanto, pertenceram à ParaRede e à Corticeira Amorim, que fixaram hoje novos máximos anuais.

Com a perspectiva de entrada no índice PSI-20, as acções da Corticeira Amorim [COR] dispararam 10% para 0,88 euros, depois de já ontem terem valorizado 3,90. A empresa de cortiça cotou hoje nos 0,89 euros, o valor mais elevado desde Julho de 2002.

Já a ParaRede [PARA] terminou a valorizar 8% para 0,27 euros, mas atingiu um máximo desde Junho de 2002 nos 0,29 euros, valor a que correspondia um crescimento de 16% durante a sessão.

«Está-se a especular sobre o processo de reestruturação. E o anúncio dos administradores que compraram a posição do Banco Totta dá uma certa segurança aos investidores», disse ao Canal de Negócios, um operador do Banco Comercial Português de Investimento (BCPI).

«O interesse dos investidores na ParaRede é devido ao seu comportamento no pós aumento de capital e pelo facto de ser um título com preço muito baixo», comentou João Pinto da Probolsa.

Apesar de fechar sem variações de preços, a Ibersol [IBRS] também fixou um novo máximo nos 3,93 euros.

Outras Notícias