Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

EDP Renováveis poderá ter que fazer aumento de capital em 2010

O UBS, que reviu em baixa a recomendação, para "vender", e também o preço-alvo da EDP Renováveis, admite a possibilidade da empresa liderada por Ana Maria Fernandes ter que vir a efectuar um aumento de capital já no próximo ano, para financiar o crescimento nos EUA.

Paulo Moutinho 15 de Outubro de 2009 às 11:13
O UBS, que reviu em baixa a recomendação, para ”vender”, e também o preço-alvo da EDP Renováveis, admite a possibilidade da empresa liderada por Ana Maria Fernandes ter que vir a efectuar um aumento de capital já no próximo ano, para financiar o crescimento nos EUA.

“O ‘outlook’ negativo imposto pela Standard & Poor’s [agência de notação financeira norte-americana] à EDP, e a ambição da Renováveis de acelerar o ritmo de investimento nos EUA, poderá levá-la a avançar com uma operação de aumento de capital em 2010”, refere o UBS, numa nota de “research” a que o Negócios teve acesso.

O analista Alberto Gandolfi projecta que a dimensão do aumento de capital possa corresponder a 5% do valor de mercado da EDP Renováveis (6,46 mil milhões de euros). Ou seja, considerando a actual capitalização bolsista, segundo o UBS a Renováveis poderá ir ao mercado angariar cerca de 320 milhões de euros.

Este aumento de capital “poderá não ser estruturalmente negativo, mas provavelmente irá provocar um afastamento dos investidores” das acções da empresa liderada por Ana Maria Fernandes, conclui a nota de investimento do UBS.

Ver comentários
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio