Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Encargos com habitação descem pela primeira vez desde 2005

Após meses intermináveis de aumentos dos custos dos empréstimos à habitação, eis que surge um alívio. Quem tiver um contrato de crédito indexado à Euribor a três meses e revir o empréstimo em Fevereiro vai registar a primeira descida da prestação mensal d

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 01 de Fevereiro de 2008 às 00:05
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Após meses intermináveis de aumentos dos custos dos empréstimos à habitação, eis que surge um alívio. Quem tiver um contrato de crédito indexado à Euribor a três meses e revir o empréstimo em Fevereiro vai registar a primeira descida da prestação mensal dos últimos três anos e meio.

O Jornal de Negócios fez os cálculos e, para um empréstimo de 100 mil euros a 30 anos e um "spread" de 0,7%, a prestação vai descer quase 13 euros. Já as famílias cujos créditos estão associados à Euribor a seis meses ainda vão sofrer um agravamento. Mas as boas notícias não devem tardar.

A prestação mensal de um empréstimo bancário de 100 mil euros, para um prazo de 30 anos e um "spread" de 0,7%, associado à Euribor a três meses, vai descer este mês 12,72 euros para os 548 euros. Significa, por isso, que nos próximos três meses uma família com um empréstimo semelhante a este vai gastar menos 38 euros. Contrair um novo empréstimo com estas condições também fica mais barato, com a prestação 22,80 euros mais baixa que em Janeiro. Os cálculos elaborados pelo Jornal de Negócios só contabilizam amortização de capital e pagamento de juros, não incluindo seguros, nem comissões.

Ver comentários
Outras Notícias