Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Euro cai com sinais de recuperação da economia dos EUA

O euro recuava 0,16% face ao dólar, depois da confiança dos consumidores norte-americanos ter crescido acima do esperado em Novembro, gerando expectativas de recuperação para a maior economia mundial.

João Mata 28 de Dezembro de 2001 às 16:19
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O euro recuava 0,16% face ao dólar, diluindo os ganhos registados nas últimas sessões, depois da confiança dos consumidores norte-americanos ter crescido acima do esperado em Novembro, gerando expectativas de recuperação para a maior economia mundial.

A divisa europeia [EUR] cotava nos 0,8815 dólares e registava uma desvalorização de 0,52% face ao iene, depois de ter apreciado relativamente à moeda nipónica nas últimas três sessões.

O índice que mede a evolução da confiança dos consumidores norte-americanos cresceu em Dezembro para os 93,7 pontos, face aos 84,9 pontos atingidos em Novembro, registando a maior subida mensal desde Fevereiro de 1998, segundo dados divulgados hoje pelo Conference Board.

Este indicador não registava uma subida desde o passado mês de Julho, com a progressão verificada em Dezembro a exceder as previsões dos analistas em cerca de 10 pontos percentuais.

As encomendas de bens duradouros nos Estados Unidos (EUA) recuaram 4,8% em Novembro. No entanto, excluindo o segmento dos transportes, este indicador cresceu 1,1% face a Outubro, o que gerou expectativas de recuperação para os próximos meses.

Estes dados indiciam que a economia norte-americana, que se encontra em recessão desde Março, poderá encetar uma recuperação em breve, uma vez que ambos os indicadores apontam para uma possível subida do consumo, que representa cerca de 75% do produto interno bruto (PIB) dos EUA.

Desde o início do ano, a Reserva Federal (FED) norte-americana já baixou a sua taxa directora em 475 pontos base para os 1,75%, o valor mais baixo dos últimos 40 anos, na tentativa de sustentar a confiança dos consumidores e consequentemente o consumo.

Na Zona Euro, as reduções de juros efectuadas pelo BCE este ano totalizam 150 pontos base, com a taxa de juro de referência da instituição a situar-se nos 3,25%. Os analistas acreditam que a autoridade monetária europeia deverá voltar a diminuir o preço do dinheiro nos primeiros meses de 2002.

A descida dos juros costuma impulsionar o investimento e o consumo, através da redução dos encargos afectos à contracção de financiamentos.

Cada euro vale 200,482 escudos.

Ver comentários
Mais lidas
Outras Notícias