Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Euro cai mais de 1% com actividade industrial no nível mais baixo de sempre

A moeda única da Zona Euro acentuou a tendência negativa contra o dólar encaminhando-se para a primeira queda semanal em seis semanas. A penalizar o euro está a divulgação de que a produção industrial na região atingiu o nível mais baixo de sempre em Novembro.

Lara Rosa lararosa@negocios.pt 02 de Janeiro de 2009 às 13:55
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
A moeda única da Zona Euro acentuou a tendência negativa contra o dólar encaminhando-se para a primeira queda semanal em seis semanas. A penalizar o euro está a divulgação de que a produção industrial na região atingiu o nível mais baixo de sempre em Novembro.

Contra a moeda norte-americana, o euro perdia 1,22% para os 1,3873 dólares, depois de já ter estado a desvalorizar quase 1,5% na sessão de hoje.

A divisa única está a caminho da primeira queda semanal em seis semanas, depois de ter acumulado uma valorização de mais de 11% nas cinco semanas anteriores. Com a actual cotação a moeda única regista uma queda de 1,10% desde o início da semana.

A penalizar o euro, que passou a ser a moeda da Eslováquia desde o dia de ontem, está a divulgação de um índice de produção industrial na Zona Euro que aumentou os receios de um acentuar da recessão económica.

O índice PMI, que mede a produção industrial na Zona Euro e é elaborado pela Markit Economics, caiu para os 33,9 pontos em Dezembro, o nível mais baixo dos 11 anos de história deste índice. As estimativas preliminares apontavam para uma leitura de 34,5 pontos.

Estes dados aumentam os receios quanto à situação económica que se vive na Zona Euro, com os investidores a acreditarem que o Banco Central Europeu (BCE) corte a taxa de juro de referência para evitar que esta acentue a recessão económica em que já se encontra.

Estas expectativas estão a penalizar o euro uma vez que com a taxa de juro mais baixa o retorno dos investimento denominados na moeda única baixam, diminuindo a atractividade e a procura da moeda.

Ver comentários
Outras Notícias