Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Euro instável em dia de reuniões na Europa

A moeda única europeia atingiu o valor mais baixo em seis semanas face ao dólar, numa sessão em que tem oscilado entre ganhos e perdas.

Raquel Godinho rgodinho@negocios.pt 16 de Maio de 2011 às 11:57
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O euro recua 0,07% para os 1,4109 dólares, depois de ter chegado a perder 0,50% para os 1,4048 dólares, um mínimo de seis semanas. A divisa da Zona Euro chegou já a somar 0,21% para os 1,4149 dólares.

O dia de hoje será marcado pelos encontros, que decorrem em Bruxelas, entre os ministros das Finanças da Zona Euro e da União Europeia. Entre os temas em agenda, está a decisão formal em relação ao pacote de ajuda externa para Portugal, no valor de 78 mil milhões de euros.

As últimas semanas têm sido marcadas por um agudizar dos receios dos investidores em relação à crise da dívida soberana na Zona Euro, temendo-se inclusive a necessidade de uma reestruturação da dívida grega. Na sessão de hoje, mantém-se a especulação de que a Grécia acabe por solicitar um alargamento do pacote de ajuda.

Por outro lado, os investidores temem que a detenção em Nova Iorque de Dominique Strauss-Khan, director-geral do Fundo Monetário Internacional (FMI), possa acabar por significar um atraso nas negociações com vista a uma solução para o problema grego.

A moeda europeia estará, assim, dependente da evolução e das declarações que poderão decorrer destes encontros.

Por outro lado, a condicionar o comportamento da moeda norte-americana estão as declarações proferidas ontem por Barack Obama de que, caso não se aumente o tecto da dívida dos Estados Unidos, isso poderá afectar o crescimento daquela que é a maior economia do mundo e penalizar as finanças mundiais.

O presidente norte-americano chegou a afirmar que os Estados Unidos poderão viver “a pior recessão” que já alguma vez viveram.

Ver comentários
Saber mais Euro dólar crise da dívida soberana Grécia Ecofin Eurogrupo
Outras Notícias