Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Europa perde com tecnológicas e petrolíferas a recuar

As praças europeias perdiam valor, condicionadas pelas empresas de tecnologias, incluindo a Nokia e a Alcatel. As petrolíferas também pressionavam os índices europeus. O Dow Jones Stoxx 50 recuava 1,01% para 2.684,39 pontos.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 20 de Outubro de 2004 às 11:55
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

As praças europeias perdiam valor, condicionadas pelas empresas de tecnologias, incluindo a Nokia e a Alcatel. As petrolíferas também pressionavam os índices europeus. O Dow Jones Stoxx 50 recuava 1,01% para 2.684,39 pontos.

A Motorola anunciou que as receitas deste trimestre vão ser inferiores às previsões dos analistas, o que fez com que os títulos das tecnológicas caíssem. As empresas de semicondutores estão a ser afectadas pelos preços do petróleo, segundo analistas consultados pela Bloomberg.

O IBEX-35 [ibex] perdia 0,64% para 8.294,30 pontos com 31 títulos a caírem e dois a subirem, com outros dois inalterados. A Telefónica era o título que mais pressionava o índice espanhol, com uma queda de 1,01% para 12,80 euros. A Repsol perdia 0,69% para 17,37 euros. A contrariar as perdas seguiam o Banco Popular e a NH Hoteles, com valorizações de 1,01% para 44,16 euros e de 0,53% para 9,53 euros, respectivamente.

O Banco Popular Espanhol, detido em 5,1% por Américo Amorim, aumentou os lucros em 13% no terceiro trimestre depois da entidade bancária ter impulsionado os créditos a pequenas empresas e de ter aumentado os investimentos em fundos mútuos.

O FTSE [ukx] cotava nos 4.617,30 pontos com uma desvalorização de 0,81%. A banca seguia a condicionar o índice com o Royal Bank Scotland, o HSBC e o Barclays a perderem 1,35% para 1.602 pences, 0,67% para 891,5 pences e 1,53% para 547 pences, respectivamente. A BP recuava 0,83% para 537 pences e a Shell descia 0,66% para 414,75 euros.

Em Paris, o CAC-40 [cac] perdia 0,78% para 3.671,58 pontos, com 38 acções a recuar. Apenas um título subia e outro seguia inalterado. A EADS era a única que valorizava, com um avanço de 0,04% para 22,37 euros. A Thales liderava as perdas com uma desvalorização de 0,25% para 27,68 euros. A France Telecom perdia 0,94% para 21,09 euros e a Total recuava 0,42% para 164,9 euros.

O DAX [dax] descia 1,24% para 3.914,82 pontos com a Man a liderar as perdas. A empresa perdia 1,10% para 27,90 euros. O índice alemão recuava com 29 títulos a cair e apenas um a valorizar. A Tui contrariava a tendência de queda com ganhos de 1,39% para 16,10 euros. A Siemens e a Deutsche Telekom perdiam 1,93% para 58,35 euros e 0,27% para 14,90 euros, respectivamente.

Em Amesterdão o AEX [aex] recuava 1,05% para 326,67 pontos com o ING a liderar as quedas. A empresa perdia 1,83% para 20,42 euros. A STMicroelectronics e a Philips caíam 1,13% para 13,95 euros e 1,51% para 18,21 euros, respectivamente.

Ver comentários
Mais lidas
Outras Notícias