Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Fed mantém juros em mínimo de 45 anos

A Reserva Federal norte-americana (FED) manteve hoje a taxa de juro dos Estados Unidos em 1%, o valor mais baixo dos últimos 45 anos, pois a instituição liderada por Alan Greenspan quer ajudar a economia a crescer, enquanto as pressões inflacionistas estã

Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 09 de Dezembro de 2003 às 19:15
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A Reserva Federal norte-americana (FED) manteve hoje a taxa de juro dos Estados Unidos em 1%, o valor mais baixo dos últimos 45 anos, pois a instituição liderada por Alan Greenspan quer ajudar a economia a crescer, enquanto as pressões inflacionistas estão controladas.

A decisão de manter os juros em 1% - o preço do dinheiro está neste valor desde Junho de 2003 – era já aguardada pelos mercados, pois os responsáveis da autoridade monetária dos Estados Unidos têm afirmado que os juros se devem manter neste nível por um «período considerável».

Apesar de os preços do ouro e do cobre estarem em máximos de seis anos, o petróleo e o gás natural terem fixado máximos de nove meses, as pressões inflacionistas nos Estados Unidos estão controladas.

O índice de preços no consumidor, excluído de alimentação e energia, regista uma subida de 1,3% nos 12 meses terminados em Outubro, o valor mais baixo desde a década de 60.

O principal objectivo da Fed é impulsionar o crescimento da maior economia do mundo, estratégia que parece estar a dar resultados. No terceiro trimestre o produto interno bruto dos EUA cresceu a uma taxa anual de 8,2% e os economistas aguardam que a expansão seja de 4% nos últimos 3 meses de 2003.

A economia norte-americana deverá registar uma expansão de 4,4% em 2004, a maior desde 1997, e superior aos 3,1% estimados para este ano, segundo os economistas consultados pela Bloomberg.

Ver comentários
Outras Notícias