Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Goldman Sachs prevê petróleo nos 72,50 dólares em 2007

A Goldman Sachs baixou em 3,9% as suas previsões para o preço do petróleo em 2007 devido ao aumento das reservas mundiais. O banco norte-americano prevê agora, que no próximo ano, o preço do barril do petróleo fique nos 72,50 dólares.

Ana Luísa Marques anamarques@negocios.pt 22 de Dezembro de 2006 às 10:53
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A Goldman Sachs baixou em 3,9% as suas previsões para o preço do petróleo em 2007 devido ao aumento das reservas mundiais. O banco norte-americano prevê agora, que no próximo ano, o preço do barril do petróleo fique nos 72,50 dólares.

A Goldman Sachs reviu em baixa o preço do petróleo para 2007. As novas previsões apontam para uma descida de três dólares por barril de petróleo para os 72,50 dólares. Esta revisão é justificada pelo aumento das reservas de crude a nível mundial.

Nos Estados Unidos, os "stocks" de petróleo alcançaram os 329,1 milhões de barris e estão 11% acima da média dos últimos cinco anos, de acordo com o Departamento de Energia norte-americano.

No entanto, segundo o banco no final de 2007 o preço do petróleo pode mesmo chegar aos 75 dólares, já que se prevê que a procura ultrapasse o número de reservas. O banco americano estima que a procura mundial chegue aos 1,5 milhões de barris por dia, enquanto as reservas podem subir apenas 1,3 milhões de barris.

Na bolsa de Nova Iorque o crude está a negociar hoje nos 62,88 dólares, pelo que terá que subir 15% para atingir a previsão da Goldman.

Ver comentários
Outras Notícias