Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Grupo EDP sobe mais de 2% e anima bolsa nacional

A bolsa nacional valoriza, a acompanhar a tendência de ganhos das congéneres europeias, num dia em que o grupo EDP está a subir mais de 2%. O PSI-20 sobe 1,51%, numa altura em que dos 20 títulos que compõem o índice, 18 estão a subir.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 16 de Janeiro de 2009 às 09:28
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
A bolsa nacional valoriza, a acompanhar a tendência de ganhos das congéneres europeias, num dia em que o grupo EDP está a subir mais de 2%. O PSI-20 sobe 1,51%, numa altura em que dos 20 títulos que compõem o índice, 18 estão a subir.

O PSI-20 avança para os 6.439,03 pontos, com 18 títulos em alta, um a cair e um inalterado. Os congéneres europeus também sobem, acumulando subidas superiores a 2%, num dia de recuperação das bolsas. Os índices asiáticos também estão a ter um dia positivos animados pelos estímulos à economia e às empresas.

Foi confirmado, esta madrugada, que o governo norte-americano vai investir mais 20 mil milhões de dólares (15,2 mil milhões de euros) no Bank of America e vai garantir 118 mil milhões de dólares (89,7 mil milhões de euros) dos seus activos para ajudar a instituição a adquirir o Merrill Lynch.

Esta manhã, a marcar a negociação das praças asiáticas esteve a especulação de que estará a ser criado um novo pacote de estímulos por parte da China.

Estes são os principais factores que estão a contribuir para a subida dos índices, e Portugal não é excepção.

A Energias de Portugal (EDP) sobe 2,28% para os 2,782 euros e a EDP Renováveis ganha 3,33% para os 5,58 euros.

Esta tendência está a ser partilhada pela generalidade do sector energético, com a Galp Energia a subir 1,50% para os 7,836 euros, num dia em que o petróleo voltou a valorizar no mercado londrino, a recuperar das perdas da última sessão. A REN também avança 0,18% para os 2,775 euros.

A contribuir para a subida do índice está também a Portugal Telecom que cresce 1,13% para os 6,27 euros, assim como a Sonaecom que avança 0,65% para os 1,077 euros. Já a Zon segue a perder 0,98% para os 3,961 euros, sendo a única cotada no PSI-20 que segue em queda.

A Jerónimo Martins valoriza 2,37% para os 3,839 euros, depois de ontem ter disparado em bolsa mais de 10%. O grupo Jerónimo Martins anunciou quarta-feira que registou um crescimento de 28,7% das vendas consolidadas em 2008, para 6,887 mil milhões de euros. A empresa sublinhou também que na Polónia o crescimento da cadeia Biedronka foi de 37,2%.



O sector bancário também segue em alta, com o Banco Comercial Português (BCP) a subir 1,25% para os 0,811 euros, o BPI a ganhar 2,69% para os 1,681 euros e o Banco Espírito Santo (BES) a avançar 0,82% para os 6,15 euros.

Ver comentários
Outras Notícias