Research Haitong eleva avaliação da EDP Renováveis para 8 euros

Haitong eleva avaliação da EDP Renováveis para 8 euros

O Haitong reviu em alta a avaliação das acções da EDP Renováveis, conferindo aos títulos um potencial de subida superior a 16% face à cotação actual.
Haitong eleva avaliação da EDP Renováveis para 8 euros
Sara Antunes 07 de fevereiro de 2018 às 08:10
O Haitong melhorou a sua avaliação da EDP Renováveis, passando preçoa-lvo de 6,75 euros para 8 euros, uma melhoria de 18,5%, segundo a informação obtida pela Bloomberg. 

O novo "target" confere às acções da empresa liderada por Manso Neto um potencial de valorização de 16,6%, tendo em consideração o valor de fecho das acções na última sessão (6,86 euros). Este contexto levou a que o Haitong actualizasse também a recomendação de "neutral" para "comprar".

Esta avaliação compara com os 6,75 euros oferecidos pela EDP na oferta pública de aquisição (OPA) lançada no ano passado. A eléctrica liderada por António Mexia só conseguiu comprar 5% na OPA, detendo agora um total de 82,56% da EDP Renováveis.

O Negócios não teve acesso à nota de análise do Haitong.

Nota: A notícia não dispensa a consulta da nota de "research" emitida pela casa de investimento, que poderá ser pedida junto da mesma. O Negócios alerta para a possibilidade de existirem conflitos de interesse nalguns bancos de investimento em relação à cotada analisada, como participações no seu capital. Para tomar decisões de investimento deverá consultar a nota de "research" na íntegra e informar-se junto do seu intermediário financeiro.






A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
comentar
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
pub