Mercados Hedge funds encolheram em 56 mil milhões até julho

Hedge funds encolheram em 56 mil milhões até julho

As retiradas dos fundos de cobertura de risco até julho já superam em 50% as saídas registadas em todo o ano de 2018. O perigo de recessão económica e os receios globais retraem os investidores.
Hedge funds encolheram em 56 mil milhões até julho
reuters
Gonçalo Almeida 22 de agosto de 2019 às 12:11

O valor investido nestes fundos de investimento já caiu cerca de 56 mil milhões de dólares até julho deste ano, mês em que foram retirados 8,4 mil milhões de dólares. Em 2018 a diminuição era de 37,2 mil milhões de dólares, segundo a Bloomberg, que cita um relatório da eVestement.

Estes fundos, considerados arriscados devido às suas estratégias de investimento mais arrojadas e promessa de apresentar retornos, seja qual for o ciclo do mercado, estão a afastar os investidores, devido ao receio global de uma recessão económica.

No início de 2019, foram encerrados mais "hedge funds" do que em qualquer dos últimos três anos e os que surgem são bem menores do que eram antes da crise financeira.

No entanto, adiminuição da aposta nestes fundos não prejudica todos os tipos, uma vez que 37% deles estão a contrariar a tendência e a angariar dinheiro. Os fundos ligados a fusões e aquisições ou falências de empresas tiveram mais 10,3 mil milhões de dólares até julho, do que no ano anterior.

No fundo da tabela estão os fundos de curto e longo prazo, cujo valor encolheu 25,5 mil milhões de dólares.

O arrastar de uma guerra comercial entre os EUA e os seus parceiros comerciais - que se prolonga há mais de um ano - e os altos riscos de recessão nas maiores economias do mundo estão a retrair investidores, que se afastam deste tipo de fundo arriscado e adotam uma postura mais cautelosa. 




pub

Marketing Automation certified by E-GOI