Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Inapa desliza 3% e regista maior queda anual entre cotadas portuguesas

A Inapa fechou hoje a cair mais de 3%, elevando para 44,15% a desvalorização acumulada em 2007, o que representa a pior performance anual entre todas as cotadas portuguesas. As acções chegaram a cotar nos 0,86 euros, o valor mais baixo de sempre.

Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 31 de Dezembro de 2007 às 14:18
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A Inapa fechou hoje a cair mais de 3%, elevando para 44,15% a desvalorização acumulada em 2007, o que representa a pior performance anual entre todas as cotadas portuguesas. As acções chegaram a cotar nos 0,86 euros, o valor mais baixo de sempre.

A Inapa desvalorizou 3,16% para os 0,92 euros, tendo atingido uma queda máxima de 9% ao longo da sessão, para 0,86 euros. Esta cotação é a mais baixa de sempre para a Inapa, que este ano foi fortemente penalizada pelo elevado aumento de capital que realizou.

As acções resultantes deste aumento de capital foram admitidas recentemente à cotação, o que está ainda a pressionar mais as cotações, uma vez que serão muitos os investidores que estão a alienar os títulos em bolsa. Hoje foram transaccionadas 1,7 milhões de acções, num dia de reduzida liquidez em Lisboa.

A forte queda das acções na recta final do ano surgiu depois da empresa ter concretizado um aumento de capital onde encaixou 122 milhões de euros, mas que obrigou os accionistas a realizarem um elevado investimento face ao número de acções detidas. A negociação de direitos de subscrição do aumento de capital também pressionaram os títulos, uma vez que estes terminaram o último dia de negociação em bolsa a valerem apenas 1 cêntimo.

De acordo com o BPI, os dois maiores accionistas da Inapa, o sindicato bancário e a Cofihold, subscreveram cerca de 70% do aumento de capital da empresa. Por isso, o BPI espera "que alguns bancos do sindicato vendam as suas acções mais cedo ou mais tarde, o que pode representar um significativo risco de deslocamento para o título".

A Inapa protagonizou assim a maior queda entre as cotada que integram o PSI geral. Apenas a Sacyr e a Novabase também apresentaram quedas superiores a 40%.

Ver comentários
Outras Notícias