Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Juro dos certificados cai quase para metade em três meses

Se em Dezembro a taxa aplicada às novas subscrições dos certificados de aforro já tinha sofrido uma forte redução, em Janeiro a queda será ainda mais acentuada. O juro vai fixar-se num novo mínimo, abaixo dos 2,5%. No espaço de apenas três meses, em consequência da correcção das Euribor, as taxas pagas por este produto de poupança do Estado vão cair para quase metade.

Paulo Moutinho 29 de Dezembro de 2008 às 00:01
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
Se em Dezembro a taxa aplicada às novas subscrições dos certificados de aforro já tinha sofrido uma forte redução, em Janeiro a queda será ainda mais acentuada. O juro vai fixar-se num novo mínimo, abaixo dos 2,5%. No espaço de apenas três meses, em consequência da correcção das Euribor, as taxas pagas por este produto de poupança do Estado vão cair para quase metade.

Em Outubro, os certificados apresentaram a taxa mais elevada, de 4,011%. Para as subscrições efectuadas no primeiro mês de 2009, o juro desce em 158 pontos base, para se fixar nos 2,426%, de acordo com os cálculos do Negócios.

logo_empresas
Ver comentários
Outras Notícias