Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Juros descem após regresso do BCE às compras no mercado secundário

O BCE está a comprar dívida de Portugal e Irlanda. As "yields" das obrigações dos países periféricos estão agora em queda.

Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 04 de Agosto de 2011 às 14:32
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
As taxas de juro das obrigações dos países periféricos da Zona Euro estão em queda depois do presidente do Banco Central Europeu ter revelado que a instituição voltou ao mercado secundário de dívida.

O presidente do BCE, na conferência de imprensa após a reunião mensal, confirmou que o Banco Central voltou aos mercados a comprar obrigações de países do euro, como fez no passado através do seu Programa de Compra de Activos (SMP) com títulos gregos, portugueses e irlandeses.

Operadores citados pela Bloomberg adiantam também que o BCE está a comprar obrigações portuguesas e irlandesas, isto depois de ausência de 18 semanas do banco central do mercado secundário. Desde as vésperas de Portugal solicitar ajuda externa que o BCE não ia ao mercado comprar dívida pública.

O reflexo destas notícias foi imediato, com os juros das obrigações dos países periféricos do euro a inverterem da tendência de alta da manhã.

A “yield” das Obrigações do Tesouro a dois anos cai 37 pontos base para 14,93%, sendo a queda generalizada em quase todos os prazos. A descida mais intensa verifica-se no prazo a quatro anos (105 pontos base), enquanto na maturidade a 10 anos os juros sobem 12 pontos base para 11,31%.

Na Itália os juros descem 3 pontos base para 4,53%, registando descidas inferiores a 10 pontos base nas restantes maturidades.

A dívida espanhola está também em alta – os preços variam em sentido inverso às “yields” – com os juros das obrigações a dois anos a descerem 12 pontos base para 4,41%. Na maturidade mais longa, a dez anos, os juros descem 10 pontos base para 6,15%.

Ver comentários
Saber mais BCE Obrigações dívida pública
Outras Notícias