Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Media Capital, Jerónimo Martins e BCP entre as mais opáveis da bolsa de Lisboa

O Banif divulgou hoje uma nota de investimento onde avalia quais as empresas da Euronext Lisbon com maior probabilidade de ser alvo de uma OPA. Além do BPI, da PT e da PT Multimédia, que já estão a ser alvo de ofertas, a lista inclui a Media Capital, a Je

André Veríssimo averissimo@negocios.pt 20 de Abril de 2006 às 20:54
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O Banif divulgou hoje uma nota de investimento onde avalia quais as empresas da Euronext Lisbon com maior probabilidade de ser alvo de uma OPA. Além do BPI, da PT e da PT Multimédia, que já estão a ser alvo de ofertas, a lista inclui a Media Capital, a Jerónimo Martins, a Cofina, o BCP, a Brisa, a EDP e a Sonaecom.

O Banif elaborou um «radar» de fusões e aquisições. Se o BPI e a PT estão já a ser alvo de ofertas, o banco de investimento considera que a Media Capital é a empresa com maior probabilidade de vir a ser alvo de uma OPA. O preço-alvo da empresa de «media» em caso de uma oferta é de 8,94 euros, com um prémio de 12%.

O banco de investimento destaca ainda a Jerónimo Martins e a PT Multimédia, que poderão ser «interessantes para investidores com uma perspectiva de mais longo-prazo». O preço-alvo em caso de OPA é de 17,09 euros, com um prémio de 19% no caso da empresa liderada por Luís Palha, e de 10,84 euros, com um prémio de 11%, no caso da PT Multimédia.

O Banif refere ainda que a Brisa não deverá ser alvo de uma OPA, mas «poderá beneficiar de um movimento corporativo». O preço-alvo em caso de uma oferta é de 10 euros, que correspondem a um prémio de 22%.

O BCP é o título que ofereceria maior potencial de ganhos em caso de uma oferta. O Banif estima um preço-alvo de 3,81 euros em caso de OPA, com um potencial de valorização de 49%. «O momento em que vai surgir a oferta depende do resultado da OPA ao BPI».

Mais lidas
Outras Notícias