Mercados Merlin Properties "abre caminho para novas cotadas" do setor em Lisboa

Merlin Properties "abre caminho para novas cotadas" do setor em Lisboa

Na cerimónia de admissão em bolsa, a presidente da Euronext em Portugal disse acreditar que a Merlin Properties pode servir de exemplo às pares na decisão de cotar na bolsa nacional.
Merlin Properties "abre caminho para novas cotadas" do setor em Lisboa
Pedro Catarino
Ana Batalha Oliveira 14 de janeiro de 2020 às 16:57

A presidente da Euronext Portugal, Isabel Ucha, acredita que a entrada da espanhola Merlin Properties na bolsa de Lisboa "abre caminho a novas cotadas", e acrescenta, possivelmente no mesmo setor.

As declarações foram feitas no discurso que abriu a cerimónia de admissão em bolsa desta nova cotada, que teve lugar esta terça-feira, 14 de janeiro, na Euronext em Lisboa. Para a presidente da Euronext, a Merlin Properties está a abrir caminho em especial para outras Sociedades de Investimento e Gestão Imobiliária (SIGI), que poderão vir a entrar na bolsa portuguesa.

A nível internacional, as várias bolsas da Euronext já permitiram que as empresas do setor imobiliário angariassem 40 biliões de euros.

Em Espanha, a imobiliária tem uma capitalização bolsista de quase 6 mil milhões de euros. Os ativos em Portugal pesam cerca de 10% na carteira da Merlin. Por cá, a empresa detém oito ativos de escritórios, dois centros comerciais – Almada Forum e Monumental – e a Plataforma Logística Lisboa Norte, num total de 43 milhões de euros.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI