Mercados Millennium bcp reinicia cobertura da Altri com preço-alvo de 3,40 euros

Millennium bcp reinicia cobertura da Altri com preço-alvo de 3,40 euros

O Millennium bcp investimento reiniciou a cobertura das acções da Altri com uma recomendação de «comprar, médio risco» e um preço-alvo de 3,40 euros, uma nova avaliação que implica um potencial de valorização de 40%.
Nuno Carregueiro 26 de julho de 2006 às 10:16

O Millennium bcp investimento reiniciou a cobertura das acções da Altri com uma recomendação de «comprar, médio risco» e um preço-alvo de 3,40 euros, uma nova avaliação que implica um potencial de valorização de 40%.

A nova avaliação, para o final de 2007, já inclui o contributo a partir de Setembro deste ano da Celbi, empresa adquirida recentemente pela Altri [altr]. As acções da empresa subiam 1,68% para 2,42 euros, uma cotação que se encontra mais de 40% abaixo do novo preço-alvo.

Na nova análise à Altri, o Millennium bcp investimento não considera as potenciais sinergias com a aquisição da Celbi e deixou de aplicar desconto de «holding» à Altri, pois apesar da empresa estar exposta a vários negócios (pasta e papel, metais e energias renováveis), está concentrada em mais de 80% na actividade de pasta e papel.

Acerca da aquisição de 50% do capital da empresa de biomassa EDP – Produção Bioeléctrica, o Millennium diz que este negócio é neutro em termos de avaliação, pois o preço pago de 7,5 milhões de euros, terá sido justo.

O banco de investimento lembra que os investimentos para o aumento de capacidade da Celtejo devem aumentar a margem EBITDA para 30% e a capacidade em 39%. Este investimento ascende a 55 milhões e o Millennium estima que a empresa invista mais 20 milhões de euros para aumentar a capacidade da Celbi em 8%.

Em conjunto, a aquisição da Celbi e a expansão da Celtejo deverá resultar numa margem EBITDA da Altri de 27,1% este ano, 31,7% em 2007 e 33,6% em 2008 e anos seguintes.

O Millennium calcula que as sinergias entre as duas empresas representem um EBITDA adicional de 7 milhões de euros por ano, não tendo considerado na sua avaliação os 80 milhões de euros totais estimados pela Altri com a aquisição da Celbi.

Ainda em relação à aquisição da Celbi, o Millennium adianta que este negócio «esconde» a possibilidade de margens mais elevadas, se for implementada uma melhor prática de gestão florestal.

Para os resultados trimestrais que a Altri deverá apresentar esta semana, o Millennium bcp investimento aguarda lucros de 2,8 milhões de euros entre Abril e Junho, com receitas de 58,9 milhões de euros e um EBITDA de 10,9 milhões de euros.




Marketing Automation certified by E-GOI