Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Millennium IB corta preço-alvo do BPI mas continuar a recomendar "comprar"

O banco de investimento reduziu o preço-alvo do BPI em quase 10% para reflectir o custo de capital, o refinanciamento da dívida e a alteração das revisão das estimativas para o banco.

Hugo Paula hugopaula@negocios.pt 04 de Julho de 2011 às 13:15
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O preço-alvo caiu de 1,55 euros para 1,40 euros mas a recomendação para os títulos é de "comprar".

A revisão do preço-alvo deve-se às estimativas mais baixas para os resultados, ao impacto negativo da actualização do factor de desconto de resultados futuros e, positivamente, à alteração do prazo da estimativa para o final de 2012.

Para os analistas, o desempenho recente dos títulos do BPI têm "sobretudo reflectido a sua exposição à dívida de países periféricos da Zona Euro, como Portugal, mais do que os seus fundamentais".

"Perdas por registar ascendem a 900 milhões de euros e, se reconhecidas no balanço, retirariam 340 pontos base ao rácio de solvabilidade 'core tier 1'", diz a nota de análise assinada pela equipa de analistas do Millennium IB.

Ainda assim, "o BPI continua a ter algumas características muito atractivas que são distintivas face a outros bancos: baixo perfil de risco, financiamento do BCE, rácios de solvabilidade confortáveis e uma posição de liquidez confortável", enumera o banco.

As acções do BPI recuam 0,1% para 1,015 euros e o preço-alvo do Millennium IB confere um potencial de valorização de 33,3% às acções. Um potencial que justifica a recomendação de "comprar".
Ver comentários
Saber mais bolsa PSI-20
Outras Notícias