Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Moody's: cortes de "rating" a empresas vão aumentar "substancialmente" em 2012

A agência de notação financeira diz que o número de revisões em baixa das classificações de crédito de empresas de África, Europa e Médio Oriente vai exceder "substancialmente" as subidas de "rating".

Hugo Paula hugopaula@negocios.pt 12 de Janeiro de 2012 às 12:43
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...
O impacto da crise orçamental no crescimento irá prejudicar a evolução da qualidade de crédito das empresas, disse a Moody’s. Em 2011, o rácio de descidas de “rating” para subidas foi de nove no último trimestre do ano passado, o que compara com menos de duas nos três meses anteriores, refere a Bloomberg.

“A tendência actual de decisões sobre a classificação de crédito [das empresas] é fortemente negativa”, disseram os analistas da Moody’s, num relatório citado pela agência noticiosa. “Antecipamos que as revisões de descida continuem a exceder as de subida, durante o próximo ano tanto para a dívida das empresas com qualidade de investimento como para a que tem qualidade especulativa”.

A proporção de dívida com baixa qualidade de crédito (classificação especulativa) correspondeu a menos de 3% dos títulos de dívida admitidos à negociação no mercado, no ano passado, mas esta proporção vai crescer para mais pouco abaixo dos 10%, segundo estima a agência Moody’s.

Em 2012, a tendência é de descida dos “ratings” da dívida. “Será mais difícil para os emitentes de dívida especulativa refinanciarem a dívida se o mercado europeu de obrigações de taxa elevada continuar” deslocado e se os bancos continuarem a restringir o acesso ao crédito.”

“Os emitentes com qualidade de investimento também tertão mais dificuldade em manter a liquidez em termos favoráveis à medida que a predisposição dos bancos para emprestar se deteriora. Os investidores vão exigir maiores taxas de juro quando os emitentes estiverem expostos à incerteza da dívida soberana da Zona Euro”, disse a Moody’s.

Ver comentários
Saber mais Europa dívida rating crédito
Outras Notícias