Bolsa Negócios vence prémio da Euronext

Negócios vence prémio da Euronext

A jornalista Patrícia Abreu venceu o prémio para o melhor artigo publicado em 2017 na imprensa sobre o mercado de capitais.
Negócios vence prémio da Euronext
Miguel Baltazar/Negócios
Negócios 20 de fevereiro de 2018 às 22:26

A jornalista Patrícia Abreu do Negócios venceu o prémio para o melhor artigo publicado em 2017 na imprensa sobre o mercado de capitais, com o trabalho "Quem é o hedge fund a apostar na queda da bolsa?".

 

A distinção foi entregue hoje na Via Bolsa, um evento organizado pela Euronext Lisbon.

 

O trabalho vencedor debruça-se sobre o "hedge fund" criado em 1997 por Paul Marshall e Ian Wace, o Marshall Wace, sublinhando que as empresas portuguesas têm estado na mira dos gestores. 

 

"O Marshall Wace é um dos ‘hedge funds’ mais activos na bolsa portuguesa. Mas não é o tipo de investimento que agrada aos administradores das cotadas. Ainda que a gestora concilie estratégias de longo e de curto prazo, a sua aposta em Lisboa tem-se concentrado apenas em posições negativas. E as participações a descoberto, que ganham com a descida das acções, estão a aumentar", refere o trabalho de Patrícia Abreu.

 

Na edição do ano passado, foi também o Negócios que venceu este prémio, com um trabalho sobre diferenças salariais nas cotadas, assinado por Rui Barroso, Patrícia Abreu, Paulo Moutinho, Elisabete Miranda e Catarina Almeida Pereira.

O trabalho em torno das diferenças dos vencimentos auferidos em empresas do PSI-20 (entre colaboradores, CEO, homens e mulheres), publicado em Maio de 2016, venceu na categoria "Melhor Artigo em Mercados Financeiros".




pub