Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Norte-americanos reduzem "sede" pelo petróleo após preços recorde

A escalada dos preços do petróleo, que chegou a cotar nos 147 dólares, está a mudar hábitos de consumo, especialmente dos norte-americanos. Conduzem menos, utilizam mais transportes públicos, e quem não consegue evitar veículo próprio opta por comprar carros mais eficientes.

Paulo Moutinho 12 de Agosto de 2008 às 11:25
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
A escalada dos preços do petróleo, que chegou a cotar nos 147 dólares, está a mudar hábitos de consumo, especialmente dos norte-americanos. Conduzem menos, utilizam mais transportes públicos, e quem não consegue evitar veículo próprio opta por comprar carros mais eficientes.

Nos EUA, país que é o maior consumidor mundial da matéria-prima, a “sede” pelo “ouro negro” está a diminuir. A queda na procura surge depois dos recordes do petróleo, no início de Julho, ter catapultado os preços dos combustíveis para valores acima dos 4 dólares por galão (3,78 litros).

Segundo dados do Departamento de Transportes dos EUA, citados pelo “The Wall Street Journal”, em Maio os norte-americanos conduziram menos 966 milhões de milhas (1,55 mil milhões de quilómetros) que no mesmo mês do ano anterior, uma quebra de 3,7% em termos homólogos.

Ao mesmo tempo, aumentou em 3,4% a utilização de transportes públicos por parte dos norte-americanos, durante os primeiros três meses deste ano, de acordo com dados da Associação Americana de Transportes Públicos.

Mesmo quem continua a utilizar automóvel próprio opta por o fazer com veículos mais eficientes. As vendas de SUV’s estão a cair.

Ver comentários
Outras Notícias