Dividendos Nos aumenta dividendo em 50% para 30 cêntimos

Nos aumenta dividendo em 50% para 30 cêntimos

A empresa liderada por Miguel Almeida volta a remunerar os accionistas com um montante que supera os lucros obtidos.
Nos aumenta dividendo em 50% para 30 cêntimos
Miguel Baltazar/Negócios
Nuno Carregueiro 12 de março de 2018 às 00:43

O conselho de administração da Nos vai propor uma remuneração aos accionistas de 30 cêntimos por acção, o que representa um aumento de 50% face ao dividendo de 20 cêntimos do ano passado.

"Tendo em consideração a sólida estrutura financeira, com um rácio de Dívida Financeira Líquida / EBITDA de 1,9x, o elevado nível de FCF gerado em 2017, de 133,4 milhões de euros, e a confiança na capacidade de continuar a gerar estes elevados níveis de FCF, o Conselho de Administração da Nos aprovou a proposta de um dividendo ordinário de 30 cêntimos de euro por acção", refere o comunicado da Nos com a apresentação de resultados.

 

Esta proposta saiu em linha com a estimativa dos analistas do CaixaBI e representa uma remuneração total de 157 milhões de euros aos accionistas, o que se situa acima dos lucros de 124,1 milhões de euros obtidos pela empresa. 

 

O "payout" situa-se assim em 131%. A Nos aumentou, no passado, de forma considerável os dividendos aos accionistas e habitualmente a remuneração é superior aos lucros. O dividendo de 20 cêntimos pago no ano passado representou um "payout" de 114% e uma subida de 25% face ao exercício anterior. 

 
Ao dividendo de 30 cêntimos corresponde uma rendibilidade ("dividend yield") de 5,9%.




Saber mais e Alertas
pub