Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

OPA ao BPI não deve afectar «ratings» do BCP

A agência de rating Moody’s diz que o «rating» da dívida a longo prazo e dos depósitos não deverá ser afectado mantendo a notação para o Banco Comercial Português (BCP) devido às incertezas em relação à Oferta Pública de Aquisição (OPA) lançada ao Banco B

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 15 de Março de 2006 às 17:01
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A agência de rating Moody’s diz que o «rating» da dívida a longo prazo e dos depósitos não deverá ser afectado mantendo a notação para o Banco Comercial Português (BCP) devido às incertezas em relação à Oferta Pública de Aquisição (OPA) lançada ao Banco BPI. Já a instituição liderada por Fernando Ulrich poderá ser alvo de uma revisão em alta.

A proposta apresentada pelo BCP «não deverá afectar a dívida a longo prazo de A1 do BCP nem o ‘rating’ do depósitos», nem o «rating» da força financeira, apesar deste indicador poder sofrer alguma pressão devido a aspectos ligados a possíveis «implicações negativas dos níveis de capitalização» e a custos e receitas de sinergias a médio prazo.

Já no que respeita ao BPI, esta operação pode fazer com que o «rating» do banco seja revisto em alta quer na dívida a longo prazo, quer nos depósitos.

Outras Notícias