Bolsa Papel e retalho geram terceira sessão de ganhos na bolsa

Papel e retalho geram terceira sessão de ganhos na bolsa

A bolsa nacional fechou a subir pela terceira sessão consecutiva, sustentada pelos sectores do papel e do retalho. Entre as bolsas europeias a tendência também foi de ganhos, com os investidores à espera do fim da reunião da Fed,
Papel e retalho geram terceira sessão de ganhos na bolsa
Reuters
Sara Antunes 13 de junho de 2018 às 16:42
O PSI-20 subiu 0,36% para 5.683,46 pontos, com 10 cotadas em alta e as restantes oito em queda. A bolsa nacional completa assim três sessões consecutivas de ganhos. Entre os congéneres europeus a tendência é igualmente de ganhos, num dia em que os investidores estão a aguardar pelo final da reunião da Reserva Federal (Fed) dos EUA para perceberem se serão deixados sinais sobre o futuro da política monetária no país.

Na praça nacional, o sector do papel voltou a destacar-se, com a Navigator e a Semapa a renovarem máximos históricos. A ex-Portucel apreciou 0,93% para 5,985 euros, tendo chegado a tocar nos 6,06 euros. Já a Semapa fechou a ganhar 1,04% para 24,20 euros, o que representa o valor mais elevado de sempre. Ainda no sector do papel, a Altri avançou 1,61% para 8,83 euros.  

A contribuir para os ganhos estiveram também os títulos do retalho, com a Sonae SGPS a ganhar 1,52% para 1,137 euros e a Jerónimo Martins a avançar 0,72% para 13,38 euros.

A pesar na negociação esteve o BCP, ao perder 0,18% para 0,274 euros, bem como a Galp Energia, que cedeu 0,52% para 16,17 euros. A EDP também caiu 0,18% para 3,394 euros. Do lado oposto esteve a EDP Renováveis, ao somar 0,99% para 8,17 euros. 

Os CTT, que ontem dispararam 4%, fecharam com uma queda de 0,34% para 2,90 euros.

(Notícia actualizada às 16:58 com mais cotações)



pub