Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Petróleo chega aos 111 dólares nos EUA

As cotações do petróleo continuam a subir, com o crude de referência dos EUA a tocar nos 111 dólares por barril, um novo máximo histórico. Nas últimas 13 sessões, o West Texas Intermediate atingiu novos recordes em 12 delas.

Carla Pedro cpedro@negocios.pt 13 de Março de 2008 às 15:30
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

As cotações do petróleo continuam a subir, com o crude de referência dos EUA a tocar nos 111 dólares por barril, um novo máximo histórico. Nas últimas 13 sessões, o West Texas Intermediate atingiu novos recordes em 12 delas.

O contrato de Abril do WTI [cl1] chegou aos 111 dólares por barril no mercado nova-iorquino. Em Londres, o Brent do Mar do Norte [co1], crude de referência para a Europa, também tocou num novo máximo histórico, nos 107,88 dólares.

Os preços estão a ser fortemente impulsionados pela desvalorização da nota verde face à moeda única europeia e à divisa nipónica. O dólar quebrou há pouco a fasquia dos 100 ienes – atingindo o nível mais baixo dos últimos 12 anos e 4 meses - e já caiu para um novo mínimo histórico face ao euro (1,5623 dólares).

A desvalorização da moeda norte-americana torna cada vez mais atractivo o investimento em petróleo – que é cotado em dólares – para os investidores de fora dos Estados Unidos.

"As transacções em energia continuam a estar dominadas pelo dólar", comentou à Bloomberg o vice-presidente da MF Global, John Kilduff. "A crise do mercado do crédito e as políticas económicas dos EUA estão a criar uma onda inflacionista nos tradicionais refúgios contra a inflação", acrescentou.

Ver comentários
Outras Notícias