Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Petróleo dispara 1% após Irão anunciar que vai continuar com enriquecimento de urânio

O petróleo disparava mais de 1% em Londres, depois do presidente do Irão ter dito que o país vai completar o enriquecimento do urânio, aumentando a tensão à volta do quarto maior produtor de petróleo do mundo.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 11 de Julho de 2006 às 15:14
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O petróleo disparava mais de 1% em Londres, depois do presidente do Irão ter dito que o país vai completar o enriquecimento do urânio, aumentando a tensão à volta do quarto maior produtor de petróleo do mundo.

«Os iranianos mantêm-se firmes para terem acesso a todos os seus direitos e ao uso de combustíveis nucleares», afirmou o presidente do Irão, Mahmoud Ahmadinejad, de acordo com a Bloomberg que cita a agência noticiosa dos estudantes.

O responsável adiantou ainda que o país não vai recuar em relação ao programa nuclear.

O West Texas Intermediate (WTI) [cl1], negociado em Nova Iorque, subia 0,95% para os 74,31 dólares por barril e o «brent» [co1] ganhava 1,15% para os 73,73 dólares em Londres.

O mercado receia que os responsáveis políticos iraniano, norte-americano e europeus não cheguem a acordo em relação ao programa nuclear e que as tensões aumentem, o que poderá originar uma quebra de fornecimento ou mesmo produção por parte do Irão.

Ver comentários
Outras Notícias