Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Petróleo dispara e eleva ganho semanal para mais de 13%

Os preços do petróleo valorizaram perto de 5% na sessão de hoje, atirando o ganho semanal das cotações para valores acima dos 13%, o que representa o maior avanço observado numa semana desde 2000.

Ruben Bicho rbicho@mediafin.pt 17 de Dezembro de 2004 às 19:09
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Os preços do petróleo valorizaram perto de 5% na sessão de hoje, atirando o ganho semanal das cotações para valores acima dos 13%, o que representa o maior avanço observado numa semana desde 2000.

O barril de «brent», em Londres, registava um ganho de 3,91% para 43,05 dólares, mas já esteve a subir 4,83% enquanto o crude, em Nova Iorque, avançava 3,33% para os 45,65 dólares.

A tendência de subida dos preços – que os analistas estimam que se deva prolongar na próxima semana – teve como ponto de partida o arrefecimento das temperaturas nos EUA, que impulsionou a procura de gasóleo para aquecimento, dinamizando as cotações.

A situação agravou-se depois de, na quarta-feira, o Departamento de Energia dos Estados Unidos ter anunciado que as reservas de combustíveis destilados, onde se enquadra o gasóleo para aquecimento, aumentaram em 37 mil barris na semana, quando os analistas previam um crescimento em um milhão de barris.

Os ganhos de hoje resultaram não só das expectativas de que o consumo de gasóleo para aquecimento nas próximas semanas vá aumentar, pressionando uns «stocks» que estão abaixo do nível normal para a época do ano, mas também das notícias que dão conta de que Bin Laden apelou a ataques contra as explorações petrolíferas no Golfo Pérsico.

As perturbações no terminal petrolífero de Bassorá, no Iraque, também ajudaram à subida das cotações. O terminal é o maior do país e está parado desde quinta-feira devido a uma avaria numa turbina.

Outras Notícias