A carregar o vídeo ...
Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Petróleo sobe com receios de queda das reservas dos EUA

O petróleo avançava na expectativa de que os inventários de óleo para aquecimento e de gasóleo (que irão ser hoje divulgados) tenham diminuído pela quinta semana consecutiva.

Ana Filipa Rego arego@negocios.pt 20 de Outubro de 2004 às 10:14
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O petróleo avançava na expectativa de que os inventários de óleo para aquecimento e de gasóleo (que irão ser hoje divulgados) tenham diminuído pela quinta semana consecutiva.

O barril de crude [cl1] em Nova Iorque subia 0,39% para os 53,50 dólares (42,7 euros) por barril, enquanto o «brent» [co1] valorizava 0,72% para os 49,12 dólares (39,2 euros) em Londres.

Os inventários de óleo para aquecimento e de gasóleo caíram provavelmente em um milhão de barris na semana que terminou no dia 15 de Outubro, face a 120,9 milhões de barris registados na semana antecedente, segundo as estimativas dos analistas consultados pela Bloomberg.

O crude, após ter alcançado o valor máximo nos 55,33 dólares (44,2 euros) por barril segunda-feira passada, acumulou uma queda de 3% em duas sessões.

Na origem desta queda terá estado a redução de previsões de consumo para 2005 da OPEP. Além, disso, a Agência Internacional de Energia reviu em baixa a procura da matéria-prima para o próximo ano.

A OPEP reduziu as previsões de consumo para 2005 em 7,5%, anunciando que o aumento dos preços do petróleo vão fazer abrandar o crescimento da procura. A organização aumentou a produção para os níveis mais elevados dos últimos 25 anos para ajudar a fazer frente ao aumento das necessidades dos consumidores.

Também a Agência Internacional de Energia reviu em baixa as previsões da procura de petróleo em 2005, devido aos elevados preços da matéria-prima, numa altura em que vários países da OPEP, como a Arábia Saudita e Kuwait, estão a tomar medidas para aumentar a produção.

Mais lidas
Outras Notícias