A carregar o vídeo ...
Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Petróleo volta às quedas após divulgação das reservas dos EUA

Os preços do petróleo regressaram às perdas, depois do Departamento de Energia dos EUA ter divulgado os dados das reservas de crude e de combustíveis do país. Os números foram melhores do que o esperado, o que está a penalizar os preços da matéria-prima.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 28 de Novembro de 2007 às 16:22
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Os preços do petróleo regressaram às perdas, depois do Departamento de Energia dos EUA ter divulgado os dados das reservas de crude e de combustíveis do país. Os números foram melhores do que o esperado, o que está a penalizar os preços da matéria-prima.

O West Texas Intermediate (WTI) [cl1], negociado em Nova Iorque, perdia 0,61% para 93,84 dólares, e em Londres, o "brent" [co1] recuava 0,91% para 91,68 dólares.

O Departamento de Energia revelou que as reservas de crude dos EUA caíram em 452 mil barris na semana passada, um valor que acabou por ser melhor do que o estimado pelos analistas consultados pela Bloomberg que estimavam uma queda de 1 milhão.

Os inventários de gasolina cresceram 1,4 milhões de barris, quando os analistas esperavam um aumento de 500 mil.

Os "stocks" de destilados, onde se inclui o gasóleo rodoviário e para aquecimento, diminuíram em 89 mil barris, o que compara com uma quebra de 1,2 milhões de barris estimada pelos analistas.

Até o nível de capacidade de produção das refinarias norte-americanas superou as estimativas. Os analistas previam um aumento de capacidade de produção de 0,55%, quando na realidade o acréscimo foi de 2,44%.

Outras Notícias