Bolsa Projecções da Fed para os juros penalizam Wall Street

Projecções da Fed para os juros penalizam Wall Street

As bolsas dos Estados Unidos encerraram a sessão em queda, depois de a Fed ter sinalizado uma aceleração na subida dos juros este ano.
Projecções da Fed para os juros penalizam Wall Street
Reuters

Os principais índices norte-americanos encerraram em queda esta quarta-feira, 13 de Junho, depois de a Reserva Federal dos Estados Unidos ter aumentado os juros pela segunda vez este ano e ter revisto em alta as projecções para o número de aumentos no segundo semestre: em vez de três subidas no conjunto do ano, a Fed antecipa agora quatro aumentos, o que significa que haverá mais dois até ao final de 2018.

 

O índice industrial Dow Jones desceu 0,47% para 25.201,20 pontos, enquanto o tecnológico Nasdaq perdeu 0,11% para 7.695,69 pontos. Já o S&P500 recuou 0,35% para 2.776,98 pontos.

 

A Reserva Federal subiu os juros para o intervalo entre 1,75% e 2%, uma decisão apoiada na evolução positiva do emprego e da inflação, que se dirige mais rapidamente do que era esperado para a meta do banco central.

 

Na conferência de imprensa após a reunião, o presidente da Fed, Jerome Powell, disse que "a história mostrou que mudar as taxas de juro muito depressa ou muito lentamente traz desenvolvimentos económicos indesejados", referindo que estas decisões estão sempre rodeadas de incerteza.

Na actualização das projecções económicas, a Fed espera agora que a taxa de desemprego atinja os 3,5% em 2019 e 2020, abaixo da meta de longo prazo que é de 4% (o chamado 'pleno emprego'). "A maior parte das pessoas que quer encontrar trabalho consegue", assinalou Powell.

Em destaque na sessão estiveram os títulos da Netflix, que atingiram um novo máximo histórico, depois de o Goldman Sachs ter antecipado que as acções vão atingir os 490 dólares. Os títulos encerraram a sessão a ganhar 4,43% para 379,93 dólares.

 

Também a Twenty-First Century disparou 7,70% para 43,66 dólares, animada pela expectativa de que a Comcast irá apresentar uma oferta.