Bolsa PSI-20 cai pelo segundo dia com CTT a cair quase 3% e BCP mais de 1%

PSI-20 cai pelo segundo dia com CTT a cair quase 3% e BCP mais de 1%

A bolsa nacional transacionou em terreno negativo pela segunda sessão consecutiva, contrariando desta feita a tendência que quedas verificada nas bolsas europeias. CTT a cair praticamente 3% e BCP a recuar mais de 1% foram as cotadas que mais penalizaram.
A carregar o vídeo ...
David Santiago 22 de fevereiro de 2019 às 16:39

O índice PSI-20 encerrou a sessão bolsista desta sexta-feira, 22 de fevereiro, a perder 0,17% para 5.152,69 pontos, com 11 cotadas em queda, seis em alta e uma inalterada, no segundo dia seguido em que a bolsa nacional perdeu valor.

A praça lisboeta contrariou a tendência de ganhos registada na generalidade das principais bolsas europeias numa altura em que o índice de referência europeu Stoxx600 segue em alta após ter renovado máximos de 10 de outubro do ano passado.

O setor europeu das matérias-primas foi o que mais impulsionou a negociação bolsista europeia num dia de renovado otimismo quanto a um desfecho positivo das negociações em curso entre a China e os Estados Unidos com vista a um acordo comercial entre as duas maiores economias mundiais. 

Em Lisboa, os CTT e o BCP foram as cotadas que mais pressionaram. Os correios nacionais desvalorizaram 2,92% para 2,794 euros, num dia em que negociaram em mínimos de junho do ano passado ao tocar nos 2,776 euros por ação. Esta queda acontece depois de na quarta-feira a empresa liderada por Francisco Lacerda ter reportado uma quebra de 28% dos lucros em 2018

Já o banco chefiado por Miguel Maya recuou 1,37% para 0,2309, penalizado pelo facto de os resultados referentes ao exercício de 2018 terem ficado aquém das estimativas dos analistas, isto apesar do aumento de 61,5% para 301,1 milhões de euros.

Ainda do lado das quedas, destaque pela negativa para a Galp Energia que deslizou 0,41% para 14,675 euros. As restantes cotadas do setor energético contrariaram a tendência dominante: a EDP Renováveis avançou 1,05% para 8,215 euros, a EDP cresceu 0,53% para 3,252 euros e a REN subiu 0,23% para 2,60 euros. 

Já no setor do retalho o sentimento repartiu-se, com a Sonae a resvalar 0,11% para 0,9085 euros e a Jerónimo Martins a ganhar 0,78% para 12,94 euros. 

Por fim, nota negativa para as papeleiras Semapa (-0,90% para 15,44 euros), Antri (-0,83% para 7,14 euros) e Navigator (-0,27% para 4,386 euros).

(notícia atualizada às 16:52)




pub

Marketing Automation certified by E-GOI