Bolsa PSI-20 com maior valorização semanal desde o início do ano

PSI-20 com maior valorização semanal desde o início do ano

A bolsa lisboeta fechou em alta pelo terceiro dia consecutivo, o que permitiu ao PSI-20 acumular um ganho semanal de quase 4%, a maior valorização semanal desde a primeira semana de 2018. Sector energético e Mota-Engil impulsionaram.
A carregar o vídeo ...
David Santiago 16 de fevereiro de 2018 às 16:44

O PSI-20 encerrou a sessão desta sexta-feira, 16 de Fevereiro, a somar 0,76% para 5.505,43 pontos, com 14 cotadas em queda, duas em alta e as restantes duas inalteradas, o terceiro dia seguido de ganhos para a praça lisboeta. Com estas três sessões consecutivas a valorizar, a bolsa nacional fecha esta semana com uma valorização de 3,98%, a melhor série semanal desde que na primeira semana apreciou 4,22%. 

A bolsa lisboeta acompanhou a tendência de ganhos que predominou nas principais praças europeias. O índice de referência europeu também transaccionou em terreno positivo pela terceira sessão seguida, contribuindo para que o Stoxx 600 tenha registado a melhor semana desde Dezembro de 2016. 

As bolsas europeias continuaram assim a toada de recuperação face às fortes perdas que marcaram as semanas anteriores e que, por sua vez, se tinha seguido aos acentuados ganhos registados em Janeiro. Desta feita foi a apresentação de resultados robustos por parte de algumas importantes cotadas europeias que contribuiu para o optimismo no Velho Continente. 

Em Lisboa foi o sector energético que mais impulsionou, com a Galp Energia a somar 2,04% para 14,78 euros. A petrolífera seguiu a valorização do preço do petróleo nos mercados internacionais. Isto no dia em que a unidade de investimento do BPI elevou o preço-alvo atribuído às acções da petrolífera de 15,10 euros para 15,80 euros.

Destaque para a EDP que avançou 1,89% para 2,808 euros com a eléctrica a valorizar pelo terceiro dia e a tocar no valor mais alto em mais de uma semana. A EDP Renováveis (+0,63% para 7,185 euros) e a REN (+0,97% para 2,508 euros) também fecharam em alta. 

Nota positiva também para a Mota-Engil que apreciou 4,82% para 3,70 euros. Ainda do lado dos ganhos, destaque para o sector do retalho, com a Jerónimo Martins a ganhar 0,43% para 17,585 euros e a Sonae a crescer 1,48% para 1,234 euros, e para os CTT (+1,98% para 3,398 euros) e a Nos (+1,74% para 5,085 euros).

Desta feita e ao contrário do que tem sido a norma em 2018, o BCP contrariou a tendência sendo a cotada que mais contribuiu para travar uma maior valorização da bolsa nacional. O banco liderado por Nuno Amado perdeu 1,32% para 0,3054 euros, o que acontece na semana em que a instituição reportou que os lucros cresceram mais de sete vezes em 2017 para 186,4 milhões de euros, no ano passado. Este resultado levou o BPI a melhorar a recomendação sobre o BCP de "underperform" para "neutral".

(Notícia actualizada às 16:55)




A sua opinião14
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
comentar
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentários mais recentes
BCP : DEIXEM OS JUROS SUBIREM 17.02.2018




BCP : para o m~es que vem VEM AI a última saida do LIXO da última agência de RATING antes disso TÊM de COMEÇAR a SUBIR juros em pouco ntempo os LUCROS do MILENIUM BCP vão TRIPLICAR assim como a sua MISERAVEL COTAÇÃO ; 0.69 antes do VERÃO

Criador de Touros 16.02.2018

Andam aqui alguns a vender mexilhão querendo armar-se em vendedores de ameijoa da boa, da preta, cristã, ou da melhor !...caríssimo Incognitus, estes pregoeiros cheiram a courato, serão dos tais camaradas ? E agora passaram-se para o mexilhão ? Estes camaradas são sempre os mesmos: vendem no preço mais alto e compram no preço mais baixo. Todos os dias. Nunca falha. Não fora o cheiro a courato, dir-se-íam pregoeiros de algum mercado só contaram p’ra você, não digo de mexilhão, mas talvez da faneca fanada. Cumprimentos e bons negócios para o Incognitus e restantes amigos

Exemplo 16.02.2018

Exemplo
Edp
Ren
Corticeira
Novabase
Dormir...

Re: RP. INCOGNITUS 16.02.2018

Pelo seu comentário constatei que o sr sabe muito! Parabéns! Fique bem

ver mais comentários
pub