Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PT perde mais de 10% desde a apresentação dos resultados do primeiro semestre

A operadora de telecomunicações portuguesa continua a perder terreno penalizada pelo corte de 70% do dividendo de 2013 e 2014 e pela descida de rating pela agência de notação financeira, Fitch.

Rita Dias Baltazar rbaltazar@negocios.pt 16 de Agosto de 2013 às 10:17
  • Assine já 1€/1 mês
  • 13
  • ...

A Portugal Telecom prolonga o ciclo de queda que iniciou quarta-feira, nesta sessão, ao recuar 1,25% para 2,619 euros, por acção.

 

Desde 14 de Agosto, a cotada do sector das telecomunicações perdeu mais de 10% na bolsa de Lisboa.

 

A operadora liderada por Henrique Granadeiro começou por ser penalizada pela redução de 70% dos dividendos de 2013 e 2014, de 32,5 cêntimos para 10 cêntimos. Porém, a este facto juntou-se, quinta-feira, um corte de rating da companhia de BBB para BBB-, pela agência de notação financeira Fitch. O outlook mantém-se negativo.


A agência de rating explica que manteve perspectiva negativa para a PT devido a uma combinação de três factores “expectativas reduzidas em relação aos dividendos, a natureza mais volátil destes pagamentos e às pressões no mercado doméstico”.

 

Por outro lado, apesar de a PT ter fechado o primeiro semestre do ano com um lucro de 284 milhões de euros, mais do dobro do que em igual período do último ano, o acréscimo é explicado pela venda da participação de 28% que detinha na macaense CTM. Esta justificação faz com que, nem os resultados estejam a travar a desvalorização dos títulos da empresa portuguesa.

 

Desde a apresentação de resultados a PT desvalorizou-se em 10,73%, somando no acumulado do ano perdas de 24,75%.

Ver comentários
Saber mais PT Oi Fitch telecomunicações
Mais lidas
Outras Notícias