Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PTM com mais 47 milhões de acções a partir de 12 de Setembro

A PT Multimedia, subsidiária da Portugal Telecom (PT) vai admitir em Bolsa, a partir de 12 de Setembro, mais 46.970.800 novas acções que serão transaccionadas à parte dos actuais títulos da empresa que se encontram cotados em Bolsa, diz a empresa em comun

Bárbara Leite 07 de Setembro de 2001 às 19:15
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
A PT Multimedia, subsidiária da Portugal Telecom (PT) vai admitir em Bolsa, a partir de 12 de Setembro, mais 46.970.800 novas acções que serão transaccionadas à parte dos actuais títulos da empresa que se encontram cotados em Bolsa, diz a empresa em comunicado.

Estas novas acções serão negociadas em linhas diferentes das actuais, porque as mesmas resultam de aumentos de capital realizados pela empresa que enfrentam impugnações em tribunal por parte do accionista minoritário João Rocha.

No âmbito do último aumento de capital da empresa liderada por Ançã Henriques que foi efectuado em Julho de 2001, serão admitidas à cotação mais 42.323.600 novas acções da PTM.

Destas novas acções, um bloco de 40 milhões de acções serão admitidas sob o símbolo de «PTMZ», refere a empresa em comunicado.

As restantes 2.323.600 acções relativas a este aumento de capital correspondem à participação da PT que resultaram do exercício dos direitos de voto no aumento de capital. Estas acções, que também serão admitidas sob outra denominação, serão chamadas de «PTMW».

No mesmo dia 12 de Setembro, na próxima quarta-feira, serão também admitidas à cotação na Bolsa de Valores de Lisboa e Porto (BVLP), mais 4.647.200 acções da PTM que correspondem ao aumento de capital da empresa realizado em Abril de 2000 e que foi integralmente subscrito pela PT Investimentos que se fundiu na Portugal Telecom (PT) na sequência da Zip.net.

Estas acções que são detidas pela PT vão cotar sob o símbolo de «PTMY», acrescenta a empresa em comunicado.

O aumento de capital da PTM realizado recentemente permitiu fazer face ao pagamento da aquisição da empresa de «multimedia» Lusomundo.

As acções da PTM encerraram nos 7,60 euros (1.524 escudos) a cair 3,92%.

Mais lidas
Outras Notícias